Pensamentos Aleatórios

1. Será que a máquina de adução é funcional? Quais são as verdadeiras funções dos adutores?

Os adutores são reposicionadores, eles ajudam-nos principalmente com a nossa marcha, colocando uma perna à frente da outra. Sem os adutores não podíamos fazer mudanças de direcção. Concentricamente, os adutores da perna fazem aducção, excentricamente fazem abducção, e isometricamente previnem abducção. Estas são as verdadeiras funções dos adutores. Eles nunca foram feitos para gerar forças através do fémur com as pessoas sentadas numa máquina de adução. Lembre-se que nós podemos trabalhar os adutores sem colocar o fémur sobre stress (por exemplo nos agachamentos com uma rotação externa dos pés). É preciso entender os riscos e benefícios associados a este movimento na máquina de adução. Como é que este movimento se transfere para a vida real? Nas nossas actividades diárias será que vamos aplicar este tipo de forças através do fémur, com as nossas ancas em 90 graus de flexão? Não me parece haver muitas, só se for para aquelas pessoas que andam de cavalo!

2. Preciso de fazer abdominais para perder gordura na região abdominal?

Você não vai reduzir centímetros ou queimar gordura numa área do corpo, trabalhando apenas nessa área do corpo. Pense nisto quando depila as suas pernas ou quando faz a barba. Quando você se corta não diz: “o sangue do queixo” ou o “sangue da perna”, certo? A gordura é como o sangue, é algo sistémico. Portando, movendo o corpo de maneiras específicas não implica uma redução no perímetro dessa área. É muito comum vermos as pessoas a fazer crunches ou inclinações laterais numa tentativa de se livrarem dos tais pneus que ficam mal ao espelho e marcam as camisolas…Pare de perder tempo com exercícios desses e melhore a sua forma de treinar!

3. Trabalhar mais horas para produzir mais. Será mesmo verdade?

As pessoas pensam que trabalhando 14 horas por dia, vão conseguir fazer mais coisas. Mas não é bem assim. Se trabalha 11 horas e faz algo de actividade física nas outras 3 horas, vai ser muito mais produtivo(a) nessas 11 horas que nas 14 horas. É preciso energia para produzir – caso contrário você está apenas sentado a trabalhar na secretária, sentindo-se sobrecarregado com todas as coisas que precisa de fazer. Isto acontece durante anos e os problemas surgem quando chega a hora da reforma e não pode fazer nada de divertido porque não tem energia para isso. Está tudo errado!

Quando ouço alguém a dizer que não tem tempo para fazer actividade física, normalmente não acredito! Para mim isso é desculpa para não assumir que tem preguiça. Como é que possível não ter tempo para investir na sua própria saúde? Não é preciso fazer treinos de 2 horas todos os dias. Como digo muitas vezes, “mais” não é necessariamente “melhor”. Mas o que dizer de 30 minutos de algo fisicamente e mentalmente desafiante? Ficaria surpreendido com o quão efectivo podem ser 30 minutos de treino físico apenas 3x por semana.

4. Comer alimentos baixos em gordura para perder peso? Puro engano.

Consumir alimentos com baixo teor em gordura na esperança de que estes o ajudem a perder peso é um MITO. Pense no seguinte: quando se retira a gordura dos alimentos, são acrecentadas outras porcarias (edulcorantes) para que a comida saiba bem. Esses açúcares disfarçados de edulcorantes chegam a ter efeitos muito mais nefastos que aqueles que pensa. A comida despoleta uma resposta hormonal no nosso corpo e é um erro pensar que é a gordura que está a contribuir para o aumento da obesidade. O problema é mesmo a falta dela na grande parte dos alimentos tidos como “mais saudáveis” e “melhores para o coração”.

Um estudo que acompanhou 474 pessoas a beber refrigerantes diet durante quase 10 anos revelou que as suas cinturas cresceram mais 70% do que as cinturas daqueles que beberam refrigerantes normais. Além disso, aqueles que bebiam 2 ou mais refrigerantes diet por dia tiveram um aumento de 500% no perímetro da cintura!

O que é que isto tem a ver com a gordura? Absolutamente nada! Quando olhar para os rótulos dos alimentos, esteja atento aos açúcares, xarope de glucose, xarope de milho alto em frutose e aos edulcorantes aspartame (E951), acesulfame K (E 950) e sucralose (E 955).

Em relação às gorduras, evite sobretudo as gorduras trans ou hidrogenadas se quer manter as paredes das suas artérias limpinhas.

5. Será mesmo preciso limitar o consumo de gemas de ovo por causa do colesterol? 

Primeiro que tudo, o colesterol  é uma substância gordurosa produzida pelo fígado que tem um papel crucial no funcionamento do nosso corpo. O colesterol é um componente essencial das membranas celulares e o nosso corpo precisa de colesterol para produzir hormonas, para sintetizar ácidos biliares (importantes na digestão de gorduras) e para ajudar-nos na síntese de vitamina D.

Segundo, é preciso desmistificar aqui uma coisa importante. A gema é a parte mais nutritiva do ovo e se pensa que está a prestar um favor a si próprio ao não comê-la mais vezes, desengane-se. A gema contém 100% das vitaminas A, D, E, K; mais de 90% do cálcio, ferro, fósforo, zinco, vitamina B1 (tiamina), vitamina B6, vitamina B9 (ácido fólico), vitamina B12, e de 89% de vitamina B5 (ácido pantoténico). A clara não contém mais do que 90% de qualquer nutriente, mas contém mais de 80% de magnésio, sódio e vitamina B3 (niacina).

Se está interesado(a) em saber mais detalhes sobre os beneficios da gema de ovo e tudo aquilo relacionado com a saúde e colesterol clique aqui. http://www.cholesterol-and-health.com/Egg_Yolk.html

É verdade que a gema do colesterol é rica em colesterol, no entanto, isso não significa que o colesterol da gema vai aumentar o colesterol mau no nosso corpo. Existem vários tipos de colesterol LDL no nosso corpo e aquele que é particularmente mau é o colesterol LDL B, constituído por partículas pequenas e densas. É um facto que a gema do ovo pode aumentar o colesterol total, mas o tipo de colesterol que aumenta, o LDL A, não é nocivo para a nossa saúde. As partículas de LDL A ficam a circular na corrente sanguínea e não se “colam” à parede das artérias – ao contrário das partículas LDL B.

Depois disto se ainda não ficar convencido(a) que o problema das pessoas terem o colesterol mau elevado não é das gemas de ovo (mas se calhar do açúcar que consomem), recomendo que leia os abstracts das investigações científicas publicadas no PubMed. Pode começar aqui: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16340654

Antes que me esqueça, opte SEMPRE pelos ovos biológicos ou ovos enriquecidos em ómega 3.  São mais caros, mas a sua saúde vai agradecer.

6. Um dos aspectos chave para emagrecer é comer menos calorias. Será mesmo?

Um dos maiores mitos que se ouve por aí é que uma caloria conta como uma caloria e que se o objetivo é emagrecer é preciso reduzir o número de calorias totais que ingerimos. Nada mais errado. É o impacto hormonal das calorias que comemos que vai influenciar a nossa composição corporal e a nossa saúde.

Se alguém come 2000 calorias de corn flakes, contra 2000 calorias de uma refeição equilibrada de proteínas, gorduras saudáveis ​​e hidratos de carbono de baixo índice glicémico, acha realmente que o resultado vai ser o mesmo? Claro que não. A refeição de corn flakes vai fazer disparar a insulina (maior produção de insulina = mais massa gorda), aumenta a resistência à leptina (a hormona que regula o nosso apetite), e vai transformar o seu corpo numa máquina de armazenamento de gordura. Por outro lado, a refeição equilibrada normaliza a relação insulina vs. glucagón, melhora a sensibilidade à leptina (elevando a sua taxa metabólica de repouso), alimenta os seus neurotransmissores para que se sinta bem e não sinta aquela ansiedade / “cravings” pelo açúcar e sal, e fornece uma base sólida para a produção da hormona do crescimento e testosterona.

7. Treino Aeróbico Vs. Treino Intervalado de Alta Intensidade. Qual o melhor para queimar gordura?

A maioria das pessoas ainda pensa que a melhor forma de perder peso é começar a correr e fazer os tais 30-45 minutos de cardio de baixa intensidade. Parece que ainda ninguém se lembrou de informar estas pessoas que o método mais eficaz para ajudar as pessoas a perder gordura no menor espaço de tempo é através da alimentação, do treino de força e do treino intervalado de alta intensidade.

O treino intervalado de alta intensidade vai aumentar a produção das hormonas anabólicas, as hormonas que potenciam a formação de tecido muscular – o principal ingrediente para queimar gordura, enquanto que o treino aeróbico vai aumentar os níveis de cortisol sem estimular devidamente estas hormonas (testosterona, hormona do crescimento e factor de crescimento insulínico).

Portanto, correr na passadeira durante 30-45 minutos não vai ajudá-lo(a) a queimar calorias depois do exercício, ao contrário do treino de força ou do treino intervalado. Para aumentar a taxa metabólica de repouso, é preciso fazer exercício físico com alguma intensidade, só assim é que poderá melhorar significativamente a sua composição corporal.

Já agora, a título de curiosidade, sabia que quando corre as forças de reacção do solo estão situadas entre 2-5 vezes o seu peso corporal? Imagine fazer 1000 saltos com uma perna, seguido de 1000 saltos com outra perna…acha que isto faz bem àquelas pessoas que têm excesso de peso? Ou mesmo às que não têm e pensam que basta correr para desenvolver a musculatura. Não me parece…!

Aguardo os vossos comentários.

Até breve!

5 thoughts on “Pensamentos Aleatórios

  1. Hola Pedro, que razón llevas (yo estoy empezando a formarme en el mundo del entrenamiento personal), aunque por curiosidad estoy leyendo artículosy ya se algunas cosas.
    Aun recuerdo como hace dos meses, donde yo entreno, como el encargado del centro fitness me dijo que para quemar grasa lo mejor era ejercicio aerobico de intensidad moderada a larga duracion (40 min) y tuve que explicarle lo que era HIT…
    En mi caso personal, desde que desayuno huevos me noto mucho más lleno y satisfecho (y desinchado) que cuando utilizaba copos de avena.

  2. Se ainda depois de tudo que foi falado , você ainda tiver duvidas , faça o teste por dois meses , um mês você faz exercícios aeróbicos 3 x por semana e o outro somente exercícios de força ( pode ser o circuito ). Mas lembre de tirar as medidas e seu peso, e manter uma alimentação equilibrada durante esses dois meses. Você vai se impressionar com os resultados e bons treinos.

  3. Pingback: Evidências Científicas sobre o Exercício Físico | Educação Física . com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s